Internet discada | Quer saber como funciona e se ainda existe?

Muita gente hoje deve ter vivido os tempos da internet discada, é claro. Lá, no início da internet, a conexão que era feita na época era realizada pela internet discada.

A conexão era lenta, instável e, para se conectar nela, o usuário precisava de um pouquinho de paciência com alguns barulhinhos bem chatos.

Outro fato curioso sobre a internet discada é que os usuários não conseguiam usar a linha telefônica enquanto a rede da internet estava ligada.

E não param por aí os problemas enfrentados por quem era adepto da internet discada lá nos anos 90 e começo dos anos 2000.

O preço não era muito em conta para os bolsos dos internautas. Além do mais, para se ter a internet discada dentro de casa era preciso ter uma linha telefônica. E, se uma pessoa estava usando a internet e uma segunda atendia a uma chamada no telefone fixo, a rede caía instantaneamente.

Ou seja, o custo benefício era quase zero! Mas, era o início e nós usávamos, pois não conhecíamos outra realidade.

Acompanhe-nos neste texto e fique por dentro de como era a internet lá nos primórdios do mundo virtual.

 

Aproveite para conhecer nosso comparador de planos! Encontre as ofertas de planos de internet banda larga disponíveis em sua cidade em apenas um click!

 

 

A internet discada ainda existe hoje?

A resposta para essa pergunta pode ser um pouco chocante sim, confessamos, mas a internet discada existe, sim.

Porém, ela já está praticamente extinta.

Em 2016 apenas 0,4% dos municípios brasileiros ainda tinham acesso apenas a internet discada.

Isso acontece por que os serviços de internet banda larga, infelizmente, ainda não chegaram a muitas dessas partes do nosso país.

Especialmente nas áreas mais afastadas, como áreas rurais. A opção para esse grupo de pessoas acaba sendo de internet discada, via rádio, via satélite ou internet 3G/4G.

 

 

Avanços tecnológicos

Felizmente, com o passar dos anos, outras maneiras de aproveitar a internet foram surgindo no mercado, e pouco a pouco, a internet discada foi ficando para trás.

Os cabos continuaram, porém ao invés de oferecerem internet discada, as operadoras passaram oferecer o sinal de forma contínua e sem bloquear a linha de telefone.

E, para aqueles que começaram a usar a internet na década de 90, a internet discada ainda é motivo de nostalgia.

 

 

Como contratar a internet discada em casa?

Se por acaso esse tipo de conexão ainda estiver disponível onde você mora,  entre em contato com a operadora que tem a concessão no seu estado.

Como as velocidades desse tipo de conexão são muito baixas, e hoje, a internet necessita de uma velocidade mínima de 2 Mega para que você possa ver vídeos e navegar em redes sociais, recomendamos a você que procure outras tecnologias como via rádio, satélite ou 3G/4G.

 

VEJA: Internet Rural – quais são os planos disponíveis!

 

 

Quais são os outros planos oferecidos hoje em dia?

A todo o momento estamos acessando a web por nossos celulares ou computadores, seja para acompanhar notícias, emails, mensagens e também notificações nas redes sociais.

Dito isso, é preciso reconhecer que ficar sem internet deixou de ser uma opção, ela passou a ser algo necessário assim como o acesso a energia elétrica.

Como falamos anteriormente, poucas pessoas ainda precisam recorrer a internet discada hoje em dia.

As conexões evoluíram e agora podemos contar com internet banda larga de alta velocidade.

Mas se você mora em uma região afastada,  saiba que as opções cresceram bastante nos últimos anos.

Vamos apresentar algumas delas logo abaixo.

 

Saiba como funciona a rede banda larga

A rede banda larga, diferentemente da internet discada, funciona da seguinte maneira: uma vez você estando conectado à internet por uma conexão banda larga, ela permitirá que dados sejam transferidos em alta velocidade e com baixa interrupção, da central da operadora até a sua casa via cabo, fibra, satélite, rádio ou GSM.

 

 

  • Conexão de internet GSM: 3G/4G

Uma das mais recentes disponíveis no mercado, a conexão 3G/4G se destaca por sua capacidade de abrangência de diversas regiões.

Uma vez que as operadoras já tem suas antenas espalhadas pelo Brasil para cobrir o sinal do celular, elas passaram também a oferecer uma opção de internet residencial.

Para se utilizar do serviço 3G/4G, é necessário um modem wi-fi, que transformará o sinal 3G/4G recebido em sinal de wi-fi, para você acessar de qualquer dispositivo.

Vale lembrar que o aparelho modem pode ser cobrado separadamente das mensalidades dos planos.

As desvantagens residem no fato de que alguns dos planos têm limite de franquia de internet. Pois apesar de serem planos residenciais, os mesmos ainda são considerados como planos de internet móvel, já que você pode levar o modem para onde quiser.

Algumas operadoras já oferecem internet 3G/4G para residência através de modem wi-fi. Leia mais sobre os planos Claro Internet, SKY banda larga e Vivo Box.

 

 

  • Conexão de internet via satélite

Nada melhor do que um satélite para oferecer cobertura de internet em qualquer lugar do Brasil.

Antigamente este planos eram muito caros e praticamente inacessíveis para a maioria da população. Porém nos últimos anos os preços melhoraram e, já é possível contratar um plano de internet via satélite a partir de R$199,00 por mês.

Apesar do preços ainda serem salgados, comparados a outros planos, eles tem a vantagem de chegarem onde mais ninguém chega.

 

VEJA: Internet via Satélite – tudo que você precisa saber antes de contratar!

 

 

  • Conexão de internet por cabo

A conexão de internet por cabo é aquela usada com o cabo da sua TV por assinatura ou no seu telefone.

Sua comodidade é algo a se admirar, já que com o mesmo cabo da TV e do telefone você se conecta a internet também.

Outra vantagem, além da praticidade, é o custo-benefício, já que com apenas uma instalação você tem em casa todos os serviços contratados.

As desvantagens residem nos seguintes quesitos: a internet a cabo pode não estar disponível em todas as cidades e, uma vez estando, talvez não esteja pronta para uso em seu bairro ou sua rua.

 

VEJA: Internet Fibra ou Internet a Cabo. Compare os tipos de conexão!

 

 

  • Conexão de internet via rádio

A conexão de internet via rádio é um sistema oferecido por pequenas companhias de internet, para atender um número limitado de provedores.

A conexão via rádio oferece seu serviço justamente com a intenção de atender em cidades em que conexões a cabo ou banda larga ainda não são disponíveis. O que em nosso país pode ser muito normal.

Em muitos casos, o preço pode ser um pouco mais caro comparado a outros planos de internet.

 

 

Qual a velocidade da internet no mundo?

Obviamente, se compararmos a internet brasileira com a de outros países, veremos que nossa infraestrutura está longe do que podemos considerar como ideal. Diversos países ao redor do mundo podem nos provar e nos mostrar o quão boas são suas conexões, se comparadas às operadores brasileiras.

Mas, é claro que não podemos ser injustos com os atuais serviços de internet disponíveis no mercado. Claramente, com o passar dos anos a tecnologia foi se atualizando. Hoje em dia, temos um sinal de internet muito bom comparado com outros países da América do Sul. Isso é mais do que fato!

A banda larga hoje, no Brasil, conseguiu se apoderar nacionalmente, considerando que em toda casa em solo brasileiro tem pelo menos um celular com acesso a internet. A banda larga dominou de forma avassaladora os planos de internet, Wi-Fi e afins.

 

Pesquisa

Em pesquisa realizada em 2016, pela empresa norte-americana Akamai Technologies, foi perceptível de que a nossa internet está bem abaixo do que de outros países.

A empresa levantou dados sobre as conexões de 140 países. O Brasil figurou em 57º lugar, atrás de países como México e Chile, ambos também localizados na América do Sul.

A média da conexão brasileira marcou em 5,5 Mbps, enquanto a média mundial ficou em 3,6 Mbps. Há de se denotar que, aqui no Brasil, houve aumento na velocidade da internet. Embora que este mesmo aumento só foi suficiente para que subíssemos 3  posições no ranking mundial.

O número em velocidade de internet ficou para a Coréia do Sul. Com uma velocidade de 26,3 Mb, Hong Kong com 20,1 Mb e o Noruega com 20 Mb.

 

 

Quais eram as vantagens da internet discada?

Apesar de não parecer que ela existia, ela existia, sim. Havia algumas vantagens por parte da internet discada em seu uso. E iremos elencar para você algumas delas:

  •  O pulso único era uma forma de aproveitar o uso da internet aos fins de semana e feriados. A conexão nesses dias era um pouco mais rápida e econômica do que o normal. Por esses motivos, o usuário que não entrasse na internet nos dias de semana por razões econômicas, deixava para os sábados e domingos para curtir a internet com uma velocidade um pouco mais rápida.
  • Economicamente falando, a internet discada é mais em conta do que outros serviços disponíveis no mercado. Se você não costuma ou não tem hábito de ficar acessando à internet com uma regularidade extrema, talvez a melhor saída possa ser usar a internet do celular.
  • Lembrando que a internet discada não estava disponível para celulares, mas sim apenas para computadores e notebooks.

 

 

Quais eram as desvantagens da internet discada?

Infelizmente, as desvantagens da internet discada eram, provavelmente, mais numerosas do que as vantagens. Vamos a elas!

A velocidade tinha um teto limite de 0,05 Mega. Caso o usuário desejasse aumentar a velocidade, teria que gastar bem mais do que o normal para uma melhor conexão.

Sem contar que esse número de 0,05 Mega já era considerado baixo quando a internet discada surgiu. Hoje em dia, essa quantidade seria irrisória, visto que, de lá pra cá, evoluímos consideravelmente.

Para assistir vídeos e navegar em redes sociais com uma conexão como era naquela época, seria hoje praticamente impossível, visto que para isso você precisa de uma velocidade mínima de 1 Mega.

Outro ponto importante para ser destacado aqui é o seguinte: a internet discada só era possível de ser contratada em uma residência. E ainda exigia uma condição financeira suficiente do usuário, já que o custo-benefício era muito elevado.

 

___________________

Este texto foi útil para você tirar suas dúvidas sobre a internet discada? Continue navegando no nosso blog e fique por dentro de tudo sobre planos de telefonia, TV por assinatura e muito mais!

 

Internet discada | Quer saber como funciona e se ainda existe?
Avalie esse artigo