5G | Tudo o que você precisa saber sobre o 5G

Atualizado em 02/12/2021 às 11h29

O 5G no Brasil está cada vez mais perto e ele pretende melhorar muito a vida das empresas e do consumidores.

A nova geração de conectividade móvel é muito mais do que deixar sua internet mais rápida e neste post você saberá todos os detalhes sobre ela.

Ofertas de Internet banda larga

Neste conteúdo você vai descobrir tudo sobre o 5G, o que mudará com essa nova velocidade, o por que essa tecnologia é tão revolucionária.

Ficou interessado neste conteúdo? Continue lendo este post até o final.

Aliás, se você está em busca de planos de celular, acesse o comparador de planos do Melhor Escolha e encontre os melhores serviços pelo menor preço.

O que é o 5G?

O 5G faz parte da quinta geração de dados móveis. Sendo assim, esse tipo de rede apresenta uma tecnologia melhor do que a atual 4G/LTE, principalmente em questões de velocidade, latência e consumo.

Entre os diversos benefícios, o 5G oferece mais autonomia e maiores velocidades na conexão de internet.

Entretanto, apesar de ser tecnicamente uma evolução natural das redes 4G existentes, o 5G marcará um ponto de inflexão no futuro das comunicações.

Ele promete trazer mais conectividade instantânea de alta potência para bilhões de dispositivos.

Isso quer dizer que tudo estará conectado! Carros, geladeiras, TVs, máquinas, celulares. Muita coisa conectada ao mesmo tempo exigindo uma capacidade enorme de troca de dados instantânea.

Quais as vantagens do 5G?

É claro que mais velocidade e menos latência é ótimo para qualquer usuário, mas o que o 5G vai permitir está muito além de apenas mandar uma mensagem mais rápida no WhatsApp ou poder ficar online na sua rede social favorita.

Carros autônomos e telemedicina devem se popularizar ainda mais com a chegada da nova tecnologia.

Os próprios smartphones podem sofrer uma nova revolução, visto que com as altas velocidades, os aparelhos podem começar a fazer o processamento das mais diversas tarefas através da nuvem ao invés do chip, como é feito hoje.

Conheça as principais vantagens do 5G que talvez não sejam tão conhecidas:

  • Robotização;
  • Comandos de voz;
  • Condução independente;
  • Cidades inteligentes;
  • Reconhecimento facial;
  • Interface baseada em gestos;
  • Processamento de imagens;
  • Mais autonomia da bateria móvel.

Mas nem tudo são vantagens no 5G. Alguns estudos alertam quanto ao funcionamento seguindo previsões meteorológicas.

Sendo assim, os satélites de monitoração do sinal podem sofrer interferências provocadas por dispositivos 5G.

O 5G será melhor que o 4G?

Quando falamos em velocidade de conexão o 5G estará à frente do 4G, porém nem tudo são flores. Embora o 5G funcione rápido em alta velocidade, ele trabalha com frequência maiores e, por isso, não consegue ir tão longe quando comparado ao 4G.

Qual a diferença entre o 4G e 5G?

A velocidade e latência do 4G sempre será inferior do que a velocidade e latência padrão do 5G. Isso porque o 5G foi criado para ser até 100 vezes mais rápido que o 4G.

O 4G oferece velocidades de até 150 megabits por segundo. A partir do 4G é possível fazer troca de arquivos mais pesados e vídeos em HD.

Já o 5G oferece velocidades de até 10000 megabits por segundo, o que permite uso de alto desempenho, como ver vídeos em transmissão 4K.

Além disso, o tempo de espera por um carregamento ou envio de arquivo será menor, sendo que o 5G tem latência entre 1 a 4 milissegundo.

Ofertas de Internet banda larga

Obviamente, nem sempre o 5G atingirá essas velocidades absurdamente absolutas, mas será uma melhora muito significativa entre uma tecnologia e outra.

Mas, sem sombra de dúvidas, a principal característica do 5G será a quantidade absurda de dispositivos que poderão ser ligados ao mesmo tempo a uma mesma rede, sem prejuízo de velocidade ou de latência. 

Característica4G4.5G5G
Velocidades (Mbps)1502001000
Latência Milissegundos80201-4

Comparativo entre as redes móveis do Brasil

Como mencionamos anteriormente a evolução das redes móveis brasileiras caminhou lentamente se comparado a outros países.

Entretanto, por mais que a rede móvel 4G seja mais rápida e segura, ela ainda precisa estar presente em todo território nacional.

Fizemos um resumo sobre as redes móveis disponíveis no Brasil com suas principais características e frequência:

BandaFrequênciaTecnologias
4G800 MHz, 700 MHz e 2500 MHzLTE e Wi-Max
3G850 MHz, 2100 MHz e 1900 MHzW-CDMA
2G900 MHz, 1800 MHzGSM, GPRS e EDGE

Como o 5G vai funcionar no Brasil?

No Brasil, as maravilhas do 5G podem levar ainda algum tempo até se tornar realidade. De acordo com o setor de telecomunicações, talvez sejam precisos de 2 a 4 anos para que a tecnologia esteja efetivamente ativa em bairros das maiores cidades do país.

A expectativa da Anatel é de que o 5G funcione nas 27 capitais do Brasil até o final de julho de 2022 – o que não significa que ele estará disponível em todos os lugares dessas cidades.

Já em municípios de até 30 mil habitantes, a Anatel planeja que sejam instaladas até 5 estações de rádio base, com prazo máximo de implantação para julho de 2029.

Quando o 5G chegará ao Brasil?

As quatro maiores operadoras do Brasil já disseram que é inviável a chegada do 5G em todo o Brasil antes de 2022, já que em algumas regiões nem sequer tem acesso a cobertura de sinal 4G.

No entanto, de acordo com a Teleco, em julho de 2020 a Claro celular já deu sinais que será a primeira operadora de telecomunicações a oferecer rede 5G, mas apenas nas regiões de maior demanda de tráfego, como nas capitais São Paulo e Rio de Janeiro.

Já a Vivo celular pretende ativar sua rede 5G usando o Dynamic Spectrum Sharing (DSS), mas apenas em oito capitais brasileiras: São Paulo, Salvador, Brasília, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Goiânia, Curitiba e Belo Horizonte.

A TIM celular anunciou em começará a comercializar suas redes 5G à partir de setembro de 2020, nas cidades de Bento Gonçalves, Itajubá e Três Lagoas.

Os planos de redes móveis do 5G serão mais caros?

Atualmente, não é possível ter acesso a apenas um tipo de tecnologia de rede, ou seja, não tem como assinar um plano que tenha apenas 3G ou 4G. As operadoras cobram apenas pela franquia de dados utilizada.

No entanto, isso não quer dizer que as operadoras não farão reajustes nos preços nos pacotes de dados. Um outro fator que é importante a gente destacar é que o 5G deverá ser muito restrito no início, e os motivos principais são dois: cobertura menor e pouca compatibilidade de aparelhos – os que estão prontos para receber a tecnologia são, atualmente, os mais caros do mercado.

Sim, para usar o 5G será necessário ter um celular compatível com a tecnologia. Então, já vai preparando o bolso pra fazer a sua troca de aparelho nos próximos anos.

Quais aparelhos suportam tecnologia?

Como estamos falando de atualização, é interessante mencionar que ainda são poucos os aparelhos celulares que são compatíveis com o 5G no Brasil.

Os padrões dos smartphones precisam ser 5G Non Standalone e Standalone (NSA vs SA).

Veja aqui quais os modelos compatíveis:

  • Motorola Edge;
  • Samsung Galaxy S10;
  • LG V50 ThinQ;
  • OnePlus;
  • Oppo Find x;
  • Huawei Mate X;
  • Xiaomi Mi Mix 3.

No momento os modelos compatíveis com o 5G tem preços mais altos, mas assim que essa tecnologia estiver cada vez mais próxima, a rede de fabricação de aparelhos adaptáveis será maior.

O 4G vai acabar?

Não, pode ficar tranquilo! Os celulares e smartphones atuais continuarão funcionando com as suas redes, sejam elas 4G, 3G ou 2G – essas conexões ainda existem e não vão deixar de funcionar.

Outra coisa que muita gente se pergunta é se o 5G vai substituir a internet fixa, por ser muito potente e oferecer velocidades muito maiores das que temos em casa, praticamente. Mas, a tendência é de que o 5G sirva como um complemento da internet residencial fixa.

Porque o 5G vai revolucionar nossas vidas?

O 5G tem um potencial enorme de trazer um valor genuíno a muitas vertentes tecnológicas e revolucionar a forma como trabalhamos e vivemos hoje.

Não só as pessoas estarão conectadas entre si, como também às máquinas, automóveis, a infraestrutura das cidades, a segurança pública e muito mais.

Enquanto o 3G e o 4G trouxeram uma evolução da mobilidade, permitindo ficarmos conectados de qualquer lugar, o 5G abrangerá novos formas de uso da internet.

Mais do que uma evolução da rede de transmissão de dados com baixa latência. O 5G representa uma transformação fundamental do papel que a tecnologia móvel desempenha na sociedade.

Através do 5G máquinas se comunicarão sem intervenção humana! Já imaginou?

Porque desenvolver o 5G

A tecnologia está mudando o mundo que nos rodeia. O futuro será definido por avanços em inteligência artificial, internet das coisas (IoT), grande análise de dados, realidade aumentada / virtual, etc. Tudo suportado por conectividade segura de alta velocidade e baixa latência, que é onipresente e confiável.

Existem várias alavancas críticas e necessárias para realizar a visão dessa quinta nova geração. A conectividade é a mais importante delas.

Não estamos falando no final do 4G. Pelo contrário, a evolução contínua e a disponibilidade de redes 4G/ 4.5G, além de tecnologias de rede alternativa relevantes, fornecerão as capacidades de banda larga subjacentes na era 5G.

Isso porque o 5G é capaz de transmitir dados em distâncias muito curtas em comparação com as frequências atualmente alcançadas pelos serviços móveis 4G.

O que foi o leilão do 5G?

o Leilão do 5G foi organizado pelo Ministério das Comunicações em conjunto com a Anatel que distribuiu as faixas das frequências onde o 5G vai operar no Brasil.

Aqui no país, as principais faixas utilizadas para as conexões com 5G foram divididas em quatro bandas: 700Mhz, 2,3 GHz, 3,5 GHz e 26 GHz, sendo as faixas de 2,3 GHz e de 3,5 GHz as mais cobiçadas pelas operadoras.

Conseguimos te ajudar?

Esperamos que tenha se informado melhor sobre o 5G. Nosso intuito é sempre trazer informações relevantes e de qualidade.

Qualquer dúvida ou sugestão, deixe nos comentários pois responderemos o mais breve possível.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *